5 fatos sobre a geração Z

A geração Z se refere às pessoas nascidas entre 1997-2012. Também chamada de gen z ou z-llennials, é a geração que veio depois dos millennials e ainda convive com outras gerações anteriores, como os avós baby boomers. 

De acordo com o Insider Intelligence, os millennials lideraram as gerações mais velhas na adoção de tecnologia e na adoção de soluções digitais. Seu status financeiro e conhecimento de tecnologia mudaram fundamentalmente a maneira como vivem e trabalham, ganhando estereótipos de que eles trocam de emprego e mataram várias indústrias. Antes da Geração Z, os millennials eram a geração maior e mais diversificada racial e etnicamente.

Em breve, a geração Z terá mais representatividade no consumo, à medida que termina os estudos e entra no mercado de trabalho. A previsão é que tenha 85% de participação no mercado dos Estados Unidos em 2025 e esse dado segue a tendência mundial, à medida que ocorre o envelhecimento da geração Z.

🔎 Seguem cinco fatos sobre a geração Z e o seu comportamento.

⚪ 1. Os mais velhos de geração Z já têm 25 anos e os mais novos, 12 anos. Eles já consomem mídia e realizam compras, fazendo que seja uma fatia importante de novos consumidores à medida que se inserem no mercado de trabalho.

⚪ 2. Essa geração foi criada na internet e nas mídias sociais. Eles não possuem a referência da vida “antes e depois da internet”. A conexão digital já estava consolidada em seu nascimento. E as redes sociais já faziam parte do consumo de plataformas. O Facebook, por exemplo, foi criado em 2004 e o Instagram, em 2010. As pessoas mais velhas da geração Z nasceram em 1997, então a sua formação já veio com o consumo diário de redes sociais. A adoção de redes como o Instagram, Snapchat e Tik Tok é presente na sua vida.

⚪ 3. A geração Z se considera mais aberta e de mente aberta do que qualquer geração anterior. Até o nascimento dessas pessoas, a geração mais diversa e que apresentava mais diversidade era a geração millennial.

⚪ 4. Nos Estados Unidos, quase metade da geração Z é composta de minorias, em comparação com 22% dos baby boomers. A sua origem ja faz com que a geração Z seja composta de mais negros, LGBTQ+, neurodiversos e de origem étnica diferente das gerações anteriores.

5. A maioria da geração Z apoia movimentos sociais como Black Lives Matter, direitos transgêneros e feminismo. Parte da mentalidade ligada à diversidade está em sua origem e também é somada com a convivência com pessoas diferentes.

⚪ Sobre a diversidade, as marcas também têm sido visadas para fazer uma comunicação e produtos mais diversos. “A inclusão é cada vez mais esperada, especialmente pela geração Z e pelo público da geração millennial.” (Jill Estorino, presidente e diretora administrativa da Disney Parks International na The Walt Disney Co).

Microsoft, Blizzard e a comunidade gamer

🔎 A aquisição da Blizzard pela Microsoft por quase 70 bilhões de dólares vai além do valor financeiro. Estamos falando de uma comunidade que joga, discute, curte, engaja e, também, compra:

⚪ Microsoft praticamente dobra a sua participação nos esportes online com Overwatch, Warcraft, World of Warcraft, Starcraft, Heroes of the Storm, Hearthstone e Call of Duty.

📊 Os gamers são engajados e ficam muito tempo online: em 2021, literalmente milhares de anos de experiências foram vividas em streamings de games. 214 mil anos de horaa assistindo Twitch apenas de GTA, de acordo com a consultoria NewZoo. League of Legends soma 198 mil horas em todo o mundo.

⚪ A comunidade gamer vai além do jogo: eles compram os consoles, os jogos, mas também computadores, uma boa internet, teclados gamers, microfones e ainda itens de decoração para as suas lives.

📊 O ticket é mais alto que diversos outros consumidores. A estimativa é que sejam gastos 214 bilhões em games até 2024, após a explosão na quarentena, de acordo com a NewZoo.

💭 E tudo isso vem no pacote da aquisição da Blizzard. A pergunta que fica é: será que saiu tão caro assim? Vivemos na sociedade da atenção e incorporar um grupo tão expressivo quanto os gamers é muito valioso para qualquer marca. Claro, vivo e rappi já agregam os gamers nos seus serviços por serem valiosos para os seus mercados. Especialmente para a Microsoft, que tem produtos para compor todo esse cenário gamer, chegou o momento de expandir a sua comunidade também.