ESG

Sobre a iniciativa MEU LAR DE VOLTA - tecnologia para reconstrução de vidas. Como funciona e como ajudar.

Meu Lar de Volta: ajudando vidas afetadas pelas enchentes do Sul 2024

MEU LAR DE VOLTA – tecnologia para reconstrução de vidas. www.meulardevolta.com.br

O projeto “Meu Lar de Volta”, propõe a reconstruir a vida de muitos gaúchos afetados por inundações no Rio Grande do Sul. Esta ação solidária é mais do que uma mão amiga no momento do caos; é uma ponte para a reconstrução de vidas, casas e sonhos.

O que é o Meu Lar de Volta?

“Meu Lar de Volta” é uma plataforma digital que conecta pessoas afetadas por inundações com voluntários dispostos a ajudar na limpeza e restauração de suas casas. A iniciativa surgiu da colaboração entre quatro amigos – Felipe Machado, Gabriel Hipólito, Fábio Borges e Felipe Menezes – profissionais da área de tecnologia que decidiram aplicar seus conhecimentos para um fim socialmente benéfico. O projeto abrange várias regiões do estado, incluindo Porto Alegre, Canoas, e muitas outras, organizando o que eles chamam de “a maior faxina da história do Rio Grande do Sul”.

Como funciona a iniciativa?

Utilizando uma interface amigável, o site www.meulardevolta.com.br permite que os usuários se cadastrem como voluntários ou registrem suas necessidades de ajuda. Recentemente, foi lançado o recurso de “Mutirões”, pelo qual os usuários podem formar grupos de limpeza por região, tornando a resposta aos desastres mais rápida e eficiente. Durante os fins de semana, pontos de apoio são estabelecidos para distribuir equipamentos e produtos de limpeza essenciais para as tarefas de recuperação.

Quem faz parte do Meu Lar de Volta?

Além dos fundadores e voluntários, o projeto conta com o apoio do Instituto Vakinha e do programa de rádio @pretinhobasico. Esta colaboração ampliou o alcance e a eficácia da iniciativa. O projeto também se beneficia de uma forte presença nas redes sociais, com parcerias influentes que ajudam a mobilizar recursos e voluntários, essenciais para alcançar a meta de doar 50 mil colchões para as vítimas das enchentes.

Como ajudar o Meu Lar de Volta?

MEU LAR DE VOLTA - tecnologia para reconstrução de vidas. O projeto "Meu Lar de Volta", propõe a reconstruir a vida de muitos gaúchos afetados por inundações no Rio Grande do Sul. Esta ação solidária é mais do que uma mão amiga no momento do caos; é uma ponte para a reconstrução de vidas, casas e sonhos. O que é o Meu Lar de Volta? "Meu Lar de Volta” é uma plataforma digital que conecta pessoas afetadas por inundações com voluntários dispostos a ajudar na limpeza e restauração de suas casas. A iniciativa surgiu da colaboração entre quatro amigos – Felipe Machado, Gabriel Hipólito, Fábio Borges e Felipe Menezes – profissionais da área de tecnologia que decidiram aplicar seus conhecimentos para um fim socialmente benéfico. O projeto abrange várias regiões do estado, incluindo Porto Alegre, Canoas, e muitas outras, organizando o que eles chamam de "a maior faxina da história do Rio Grande do Sul". Como funciona a iniciativa? Utilizando uma interface amigável, o site www.meulardevolta.com.br permite que os usuários se cadastrem como voluntários ou registrem suas necessidades de ajuda. Recentemente, foi lançado o recurso de "Mutirões", pelo qual os usuários podem formar grupos de limpeza por região, tornando a resposta aos desastres mais rápida e eficiente. Durante os fins de semana, pontos de apoio são estabelecidos para distribuir equipamentos e produtos de limpeza essenciais para as tarefas de recuperação. Quem faz parte do Meu Lar de Volta? Além dos fundadores e voluntários, o projeto conta com o apoio do Instituto Vakinha e do programa de rádio @pretinhobasico. Esta colaboração ampliou o alcance e a eficácia da iniciativa. O projeto também se beneficia de uma forte presença nas redes sociais, com parcerias influentes que ajudam a mobilizar recursos e voluntários, essenciais para alcançar a meta de doar 50 mil colchões para as vítimas das enchentes. Como ajudar o Meu Lar de Volta? Há diversas formas de contribuir para o "Meu Lar de Volta". Interessados podem se cadastrar como voluntários através do site, onde também é possível fazer doações monetárias para ajudar na compra de insumos e equipamentos. Divulgar a iniciativa nas redes sociais e entre comunidades locais é outra maneira valiosa de apoiar, pois aumenta a visibilidade e o alcance do projeto. Além disso, acompanhar e compartilhar os avanços e histórias do projeto através dos stories e do portal de transparência mantém a comunidade engajada e informada sobre o impacto de suas contribuições. Iniciativas paralelas e impacto comunitário A solidariedade manifestada através do "Meu Lar de Volta" não só alivia o sofrimento imediato das vítimas, mas também promove uma cultura de apoio mútuo e resiliência comunitária. Outros grupos e indivíduos têm se inspirado a lançar iniciativas semelhantes, utilizando a plataforma como um modelo de como a tecnologia pode servir à humanidade em tempos de crise. Em outras palavras O "Meu Lar de Volta" mostra como a tecnologia, quando aliada à solidariedade humana, pode operar resultados no tecido social. Este projeto não apenas limpa e reconstrói casas; ele restaura a dignidade e a esperança das pessoas para recomeçarem suas vidas. Com cada casa limpa e cada colchão doado, o Rio Grande do Sul está um passo mais próximo de se recuperar das adversidades, provando que, mesmo nas circunstâncias mais difíceis, a solidariedade prevalece e usa a tecnologia para ajudar pessoas.

Há diversas formas de contribuir para o “Meu Lar de Volta”. 

Interessados podem se cadastrar como voluntários através do site, onde também é possível fazer doações monetárias para ajudar na compra de insumos e equipamentos. 

Divulgar a iniciativa nas redes sociais e entre comunidades locais é outra maneira valiosa de apoiar, pois aumenta a visibilidade e o alcance do projeto. Além disso, acompanhar e compartilhar os avanços e histórias do projeto através dos stories e do portal de transparência mantém a comunidade engajada e informada sobre o impacto de suas contribuições.

Iniciativas paralelas e impacto comunitário

A solidariedade manifestada através do “Meu Lar de Volta” não só alivia o sofrimento imediato das vítimas, mas também promove uma cultura de apoio mútuo e resiliência comunitária. Outros grupos e indivíduos têm se inspirado a lançar iniciativas semelhantes, utilizando a plataforma como um modelo de como a tecnologia pode servir à humanidade em tempos de crise.

Em outras palavras

O “Meu Lar de Volta” mostra como a tecnologia, quando aliada à solidariedade humana, pode operar resultados no tecido social. Este projeto não apenas limpa e reconstrói casas; ele restaura a dignidade e a esperança das pessoas para recomeçarem suas vidas. Com cada casa limpa e cada colchão doado, o Rio Grande do Sul está um passo mais próximo de se recuperar das adversidades, provando que, mesmo nas circunstâncias mais difíceis, a solidariedade prevalece e usa a tecnologia para ajudar pessoas.

Para continuar a conversa

Meu Lar de Volta: ajudando vidas afetadas pelas enchentes do Sul 2024 Read More »

Lanchinho Solidário: parceria da Turma da Mônica com a ONG Amigos do Bem potencializa doações por meio da venda de snacks para crianças. Imagem: Divulgação ONG Amigos do Bem e Turma da Mônica.

Lanchinho Solidário: parceria Turma da Mônica e Amigos do Bem

Lanchinho Solidário: parceria da Turma da Mônica com a organização não governamental Amigos do Bem potencializa doações por meio da venda de snacks para crianças. Os lanchinhos contribuem com o projeto social que atua no sertão nordestino. Aqui, o foco é no empoderamento econômico e social da região.

(Abaixo, algumas informações sobre o que é o produto, como é a parceria, como são os lanchinhos, dados de vendas, retorno financeiro e, por fim, do que se trata o trabalho da ONG)

Lanchinho Solidário: parceria nutritiva e sustentável

Lanchinho Solidário: parceria da Turma da Mônica com a ONG Amigos do Bem potencializa doações por meio da venda de snacks para crianças. Imagem: Divulgação ONG Amigos do Bem e Turma da Mônica.
Lanchinho Solidário: parceria da Turma da Mônica com a ONG Amigos do Bem potencializa doações por meio da venda de snacks para crianças. Imagem: Divulgação ONG Amigos do Bem e Turma da Mônica.

A união entre a Turma da Mônica e os Amigos do Bem resultou em uma colaboração para nutrição às crianças. Essa parceria culminou na criação de uma linha de lanchinhos saudáveis com os personagens da Turma da Mônica estampando as embalagens.

Os lanchinhos da Turma da Mônica com Amigos do Bem são elaborados com ingredientes naturais, sem adição de conservantes, corantes ou açúcares artificiais, assegurando um consumo mais seguro para as crianças. Essa preocupação com a qualidade nutricional é disponibilizada em detalhes em cada opção disponível na linha, que inclui desde biscoitos integrais até barrinhas de frutas e iogurtes. Além disso, as embalagens coloridas e estampadas com os personagens da Turma da Mônica tornam a hora do lanche ainda mais divertida para os pequenos.

Cada lanchinho vendido contribui para o Amigos do Bem, uma organização sem fins lucrativos comprometida em proporcionar educação, saúde e cultura para crianças em situação de vulnerabilidade social.

Mas o que faz a Amigos do Bem?

“O nosso trabalho começou em 1993, com um pequeno grupo de amigos, liderado por Alcione Albanesi. Hoje, somos um dos maiores projetos sociais do país e atendemos, regularmente, a mais de 150 mil pessoas no sertão de Alagoas, de Pernambuco e do Ceará. Promovemos a transformação de milhares de vidas por meio de projetos contínuos de educação, geração de renda e acesso à água, moradia e saúde. Estamos rompendo um ciclo secular de miséria no sertão. Com oportunidades, mais de 10 mil crianças e jovens já enxergam um futuro diferente.” (fonte: Amigos do Bem, 2024).

Onde atua a organização?

No sertão nordestino.

“POR QUE O SERTÃO NORDESTINO? Um lugar onde milhões de pessoas nascem, sofrem e morrem sem perspectiva de futuro. A má distribuição de renda e a situação de abandono são agravadas pela seca, condenando milhões de nordestinos à extrema pobreza.” (fonte: Amigos do Bem, 2024).

Dados sobre a parceria

Lanchinho Solidário: parceria da Turma da Mônica com a ONG Amigos do Bem potencializa doações por meio da venda de snacks para crianças. Imagem: Divulgação ONG Amigos do Bem e Turma da Mônica.
Lanchinho Solidário: parceria da Turma da Mônica com a ONG Amigos do Bem potencializa doações por meio da venda de snacks para crianças. Imagem: Divulgação ONG Amigos do Bem e Turma da Mônica.
  • Lançada em 2021.
  • Mais de R$ 1 milhão já foi doado para o Amigos do Bem através das vendas dos lanchinhos.
  • Disponível em supermercados e lojas de conveniência em todo o Brasil.
  • Cada R$1,00 real doado aos Amigos do Bem gera um retorno social de R$6,45 (de acordo com a ONG Amigos do Bem).
  • Os consumidores podem adquirir os lanchinhos da Turma da Mônica com Amigos do Bem em supermercados e lojas de conveniência em todo o Brasil. Mas também podem colaborar, realizando uma doação diretamente para a Amigos do Bem através do site da organização: https://amigosdobem.org/

Alguns produtos da linha Turma da Mônica com Amigos do Bem

Lanchinho Solidário: parceria da Turma da Mônica com a ONG Amigos do Bem potencializa doações por meio da venda de snacks para crianças. Imagem: Divulgação ONG Amigos do Bem e Turma da Mônica.
Lanchinho Solidário: parceria da Turma da Mônica com a ONG Amigos do Bem potencializa doações por meio da venda de snacks para crianças. Imagem: Divulgação ONG Amigos do Bem e Turma da Mônica.
  • Biscoitos integrais com gergelim e chia;
  • Barrinhas de frutas com morango, uva e maçã;
  • Iogurtes com sabor natural, morango e chocolate;
  • Suquinhos de frutas com maçã, laranja e uva.

Em outras palavras

A parceria entre a Turma da Mônica e os Amigos do Bem oferece opções nutritivas para as crianças, mas também apoia iniciativas sociais importantes. Ao escolher esses lanches, os consumidores estão não apenas alimentando seus filhos de forma saudável, mas também contribuindo para a transformação positiva da vida de pessoas em situação de vulnerabilidade social.

É a união que garante impacto social significativo, ao mesmo tempo em que fornece produtos de qualidade para os consumidores mirins. Essa parceria ilustra um modelo de união de consumo e desenvolvimento ESG, aonde a preocupação ambiental, social e de governança é integrada às compras. Isso resulta em benefícios para a sociedade e para o meio ambiente.

Lanchinho Solidário: parceria da Turma da Mônica com a ONG Amigos do Bem potencializa doações por meio da venda de snacks para crianças. Imagem: Divulgação ONG Amigos do Bem e Turma da Mônica.

Lanchinho Solidário: parceria da Turma da Mônica com a ONG Amigos do Bem potencializa doações por meio da venda de snacks para crianças. Imagem: Divulgação ONG Amigos do Bem e Turma da Mônica.

Lanchinho Solidário: parceria Turma da Mônica e Amigos do Bem Read More »

Água da Ambev: ajuda para afetados das enchentes do Sul 2024. Ambev transforma produção em resposta à crise no Rio Grande do Sul.

Água da Ambev: ajuda para afetados das enchentes do Sul 2024

A Ambev, uma das maiores cervejarias do mundo, suspendeu temporariamente sua produção de cerveja na fábrica de Viamão, na grande Porto Alegre, para responder à crise humanitária causada pelas severas enchentes no Rio Grande do Sul. A empresa adaptou suas linhas de produção para envasar água potável, um recurso escasso nas áreas afetadas, demonstrando um compromisso ativo com a sociedade em momentos de necessidade.

Apoio aos afetados das enchentes do Sul 2024

Nos últimos dias, as fortes chuvas que assolaram mais da metade das cidades do estado comprometeram o abastecimento de água e alimentos, além de prejudicarem serviços essenciais. Em resposta, a Ambev iniciou a produção de água potável, distribuindo mais de 1 milhão de litros para ajudar a população e hospitais da região. Com o objetivo diário de produzir cerca de 850.000 latas de 473 ml, a iniciativa se mostra uma das mais significativas ações corporativas em situações de catástrofe no país.

A colaboração com a Ball, empresa produtora de latas de alumínio, foi crucial para a viabilização rápida dessa operação. Adaptações foram necessárias na planta de Viamão, incluindo o transporte de equipamentos de São Paulo, para garantir que a produção de água começasse o mais rápido possível.

Água da Ambev: ajuda para afetados das enchentes do Sul 2024. Ambev transforma produção em resposta à crise no Rio Grande do Sul.
Água da Ambev: ajuda para afetados das enchentes do Sul 2024. Ambev transforma produção em resposta à crise no Rio Grande do Sul.

Água é parte das ações de sustentabilidade da empresa

A água é a essência não só da cerveja, que compõe mais de 90% de seu volume, mas também do modelo de negócios da Ambev. Há mais de duas décadas, a empresa se dedica a reduzir o consumo de água em suas operações, refletindo um compromisso profundo com a sustentabilidade e a preservação ambiental. Nos últimos 18 anos, a Ambev conseguiu reduzir em 55% o consumo de água em suas plantas, estabelecendo um novo padrão de eficiência hídrica na indústria de bebidas mundial.

A média de água necessária para produzir um litro de cerveja caiu de 5,36 litros para apenas 2,4 litros, um feito notável que sublinha a liderança da empresa em práticas sustentáveis. Além disso, a Ambev tem como meta pública até 2025 melhorar a disponibilidade e qualidade da água para todas as comunidades em áreas de alto estresse hídrico com as quais interage.

Engajamento comunitário e conservação ambiental: dentro de sua Plataforma Água, a Ambev desenvolve várias iniciativas significativas, como o programa Bacias & Florestas. Esse programa visa a recuperação e preservação de importantes bacias hidrográficas através de diagnósticos detalhados e colaborações com parceiros locais. Desde seu início em 2010 na microbacia do Córrego Crispim, em Brasília, em parceria com o WWF Brasil, o programa expandiu para sete regiões no Brasil, enfocando na restauração florestal, conservação do solo, acesso à água e saneamento rural.

Outras iniciativas importantes: incluem ÁGUA AMA, SAVEH, Coalizão Cidades pela Água e o CEO Water Mandate, que demonstram o compromisso da Ambev com a gestão sustentável da água não só dentro de suas operações, mas em uma escala comunitária e global.

Em outras palavras

A decisão da Ambev de converter sua produção de cerveja para água potável em resposta às enchentes no Rio Grande do Sul exemplifica a responsabilidade social corporativa em ação. Mais do que uma medida emergencial, reflete uma filosofia empresarial que prioriza o bem-estar humano e ambiental acima dos lucros. Com iniciativas que se estendem por duas décadas, a empresa responde a crises imediatas e busca garantir a sustentabilidade dos recursos hídricos. Este caso reafirma o papel das grandes corporações na liderança de esforços de sustentabilidade e na promoção do bem-estar coletivo.

Para continuar a conversa

Água da Ambev: ajuda para afetados das enchentes do Sul 2024 Read More »

Rolar para cima