Ketnipz: o feij√£o da gentileza

Ketnipz. Imagem: Reprodução Instagram Ketnipz
Ketnipz. Imagem: Reprodução Instagram Ketnipz

 

Talvez voc√™ j√° tenha visto esse bichinho sem forma definida e que traz alguma gentileza no seu feed. O perfil de @Ketnipz √© a casa oficial do “bean” (um personagem ‚Äúfeij√£o‚ÄĚ) com as dores e alegrias do dia a dia. O criador, Harry Hembley, √© despretensioso na sua cria√ß√£o. O nome n√£o tem um significado exato, foi inventado, este feij√£ozinho humano n√£o tem g√™nero e √© uma massa que se molda a cada hist√≥ria. O que n√£o muda √© a mensagem: o bean traz mensagens de gentileza.¬†

Imagem: Reprodução/Instagram Ketnipz
Imagem: Reprodução/Instagram Ketnipz

 

¬†“No momento, h√° muita negatividade e medo no mundo”, disse Hambley ao Mashable, “j√° que muitas coisas parecem estar mudando – embora seja importante se sentir inseguro √†s vezes, tamb√©m √© importante lembrar o lado gentil da humanidade, e n√£o me sentir t√£o sozinho. Se eu puder divulgar qualquer tipo de mensagem por meio do meu trabalho agora, quero que seja positiva‚ÄĚ, contou em entrevista.

De imagem frequente, um meme, ao merchandising

Mochila Ketnipz. Imagem: Reprodução/Instagram Ketnipz
Mochila Ketnipz. Imagem: Reprodução/Instagram Ketnipz

 

O feij√£ozinho humano surgiu em junho de 2016, quando Harry Hambley colocou seu primeiro desenho animado no Instagram. E tinha apenas 18 anos quando virou sensa√ß√£o na internet, em 2018, quando atingiu 350 mil seguidores. O sucesso do bean foi r√°pido. Depois de apenas um ano e seis meses de ter se tornado popular, criou a sua pr√≥pria marca de roupas e criou o seu sticker ‚Äúkindness‚ÄĚ dispon√≠vel no Instagram Stories. @ketnipz vende roupas com a estampa de um bean (um feij√£o), com produtos como moletons, camisetas e conjuntos.

Moletom Ketnipz. Imagem: Reprodução/Instagram Ketnipz
Moletom Ketnipz. Imagem: Reprodução/Instagram Ketnipz

 

O cartoon Ketnipz continua a promover gentileza e os altos e baixos do cotidiano com bom humor. No seu perfil do Instagram, mostra inclusive tatuagens de f√£s que foram feitas em sua homenagem.

Tatuagem Ketnipz. Imagem: Reprodução/Instagram Ketnipz
Tatuagem Ketnipz. Imagem: Reprodução/Instagram Ketnipz

Mais sobre Ketnipz

“O nome n√£o significa muito, exceto que parece divertido e √© muito diferente dos t√≠tulos t√≠picos”, disse Hambley em entrevista. “√Č propositalmente amb√≠guo, de modo que n√£o fica associado a nada em particular – o que significa que posso continuar a us√°-lo quando decidir explorar diferentes campos criativos ou ideias.” “Estou realmente tentando explorar uma est√©tica muito simples, mas calorosa”, ele nos disse. “Algo limpo o suficiente para comunicar uma ideia, mas aconchegante o suficiente para ainda ser convidativo.”¬†

“O conceito por tr√°s do Bean √© que ele √© um personagem muito neutro e gentil, que passa pelas mesmas lutas do dia-a-dia que muitos de n√≥s passamos”, disse ele ao Mashable. “N√£o √© um ‘feij√£o’, pois est√° definitivamente mais perto de ser humano, mas n√£o tem g√™nero e tem curvas, como um feij√£o. Acho que voc√™ poderia cham√°-lo de Feij√£o Humano.” Hambley cita Moomintroll da s√©rie de livros Moomin e Lemongrab de Adventure Time como as principais influ√™ncias de estilo para o visual de Bean. Inspira√ß√Ķes mais amplas para Hambley incluem as obras de Pendleton Ward (Adventure Time, Bravest Warriors), Regular Show, Spongebob e Over the Garden Wall. ‚ÄúTamb√©m adoro os temas dos filmes do Studio Ghibli‚ÄĚ, disse-nos ele. “Eles definitivamente me encorajaram a tornar o Bean mais amig√°vel.”

Mas seus quadrinhos n√£o s√£o inequivocamente saud√°veis ou felizes. Em particular, suas obras anteriores est√£o repletas de alus√Ķes sombriamente c√īmicas √† emo√ß√£o negativa e √† morte. A isso, Hembley atribui a um momento mais triste de sua vida.

¬†“N√£o tenho certeza, mas espero que meu p√ļblico veja o Bean como um rosto familiar em seu feed e possa se relacionar com qualquer situa√ß√£o em que ele fique preso ou com qualquer mensagem que esteja tentando comunicar‚ÄĚ disse em entrevista.

Abaixo o vídeo de reportagem da BBC com Harry Hambley (em inglês).