Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série

Stranger Things é uma série original da Netflix. Estreou em 15 de julho de 2016 e em 2022 completou quatro temporadas, que conquistou recordes: o serviço de streaming informou que  a quarta temporada ocupou o primeiro lugar em 93 países e é a mais bem classificada em 83 países.

Algumas marcas têm realizado ações promocionais de acordo com seus produtos ou serviços oferecidos. Hoje falarei do Vivo Combo com Netflix, que criou ações que utilizam a temática da série Stranger Things. No caso da Vivo, foram ações de marketing integradas no online e offline. O objetivo da campanha integrada da Vivo no Brasil é promover e vender o seu streaming atrelado a combos promocionais Netflix.

Sobre o case Vivo Fibra e Stranger Things

Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série. A Vivo (Telefonica) realizou ações de branded content e paineis espalhados pelas cidades brasileiras. Imagem: Vivo / Divulgação.
Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série. A Vivo (Telefonica) realizou ações de branded content e paineis espalhados pelas cidades brasileiras. Imagem: Vivo / Divulgação.

Vivo Combo + Netflix é um plano que agrega as assinaturas de internet ao serviço de streaming, promovendo mais praticidade na fatura integrada. A operadora e o streaming mantém uma parceria desde 2019.  E para aproveitar a tendência da série e promover o seu pacote promocional, a Vivo criou ações que se associam diretamente à Stranger Things. Utilizando de recursos narrativos e personagens ou cenas marcantes da própria série, vinculou-se de forma mais profunda. Apropriou-se de expressões comuns aos espectadores de Stranger Things e mostrou-se próxima da própria jornada do enredo. Veja o vídeo da promoção, que aplica essa integração:

Também foi criado o branded content (conteúdo de marca) com dicas de séries. O canal da Vivo no Youtube contou as novidades da nova temporada de Stranger Things. A estratégia de conteúdo associa serviços da marca a um serviço de conteúdo, para ir além da descrição das propriedades técnicas e vantagens da compra do Vivo Fibra.

As aplicações das estratégias de marca e de marketing aconteceram em diversas mídias. De acordo com Bruno Capelupo, consultor de Marketing da Vivo (Telefonica)  no Linkedin: “foram meses de muitas, mas muuuuitas ideias (algumas de outro mundo), que invadiram as lojas Vivo, redes sociais, painéis do metrô, relógios de rua e até o escritório da Netflix em Alphaville (SP), em uma ação inédita para comunicação interna que levou os Creators Vivo para um tour + sessão exclusiva do 1º episódio da série”.

Em outras palavras, foram ações 360 graus, que integraram o online e o offline em um discurso unificado para garantir que, por mais que os formatos variem, as mensagens sejam  passadas com a mesma essência e informação.

Veja as imagens do case:

Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série. A Vivo (Telefonica) realizou ações de branded content e paineis espalhados pelas cidades brasileiras. Imagem: Vivo / Divulgação.
Imagem ilustrativa de 1 TV, 1 notebook, 1 smartphone e 1 tablet estampando séries originais Netflix.
Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série. A Vivo (Telefonica) realizou ações de branded content e paineis espalhados pelas cidades brasileiras. Imagem: Vivo / Divulgação.
Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série. A Vivo (Telefonica) realizou ações de branded content e paineis espalhados pelas cidades brasileiras. Imagem: Vivo / Divulgação.
Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série. A Vivo (Telefonica) realizou ações de branded content e paineis espalhados pelas cidades brasileiras. Imagem: Vivo / Divulgação.
Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série. A Vivo (Telefonica) realizou ações de branded content e paineis espalhados pelas cidades brasileiras. Imagem: Vivo / Divulgação.
Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série. A Vivo (Telefonica) realizou ações de branded content e paineis espalhados pelas cidades brasileiras. Imagem: Vivo / Divulgação.
Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série. A Vivo (Telefonica) realizou ações de branded content e paineis espalhados pelas cidades brasileiras. Imagem: Vivo / Divulgação.
Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série. A Vivo (Telefonica) realizou ações de branded content e paineis espalhados pelas cidades brasileiras. Imagem: Vivo / Divulgação.
Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série. A Vivo (Telefonica) realizou ações de branded content e paineis espalhados pelas cidades brasileiras. Imagem: Vivo / Divulgação.
Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série. A Vivo (Telefonica) realizou ações de branded content e paineis espalhados pelas cidades brasileiras. Imagem: Vivo / Divulgação.
Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série. A Vivo (Telefonica) realizou ações de branded content e paineis espalhados pelas cidades brasileiras. Imagem: Vivo / Divulgação.
Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série. A Vivo (Telefonica) realizou ações de branded content e paineis espalhados pelas cidades brasileiras. Imagem: Vivo / Divulgação.
Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série. A Vivo (Telefonica) realizou ações de branded content e paineis espalhados pelas cidades brasileiras. Imagem: Vivo / Divulgação.
Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série. A Vivo (Telefonica) realizou ações de branded content e paineis espalhados pelas cidades brasileiras. Imagem: Vivo / Divulgação.
Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série. A Vivo (Telefonica) realizou ações de branded content e paineis espalhados pelas cidades brasileiras. Imagem: Vivo / Divulgação.
Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série. A Vivo (Telefonica) realizou ações de branded content e paineis espalhados pelas cidades brasileiras. Imagem: Vivo / Divulgação.
Stranger Things: case da Vivo Fibra com a série. A Vivo (Telefonica) realizou ações de branded content e paineis espalhados pelas cidades brasileiras. Imagem: Vivo / Divulgação.

Mais posts sobre o assunto Stranger Things

+ Dados sobre a série em 2022

+ A música Running Up That Hill, de Kate Bush, retorna às paradas de sucesso após cena em Stranger Things

O Branding na mudança visual do Instagram

O Instagram mudou o seu visual. Em anúncio no dia 23 de maio de 2022, a rede social listou quais as principais mudanças no design, cuja proposta é de se aproximar da comunidade criadora e o conteúdo produzido pelos creators (“Yours to make”).

Mudança no design do Instagram busca posicionar a rede social como espaço para criadores e põe o conteúdo primeiro (“content first”). Imagem: Reprodução/Instagram Official Blog.
Mudança no design do Instagram busca posicionar a rede social como espaço para criadores e põe o conteúdo primeiro (“content first”). Imagem: Reprodução/Instagram Official Blog.

As principais alterações incluem:

  • Uso de fonte proprietária. Instagram Sans, desenvolvida em colaboração com a Colophon Foundry. Está disponível em três estilos: Regular, Headline e Condensed. Pode ser aplicada nos stories e recursos presentes neles, como as enquetes.
  • Cores gradientes: o formato de cor gradiente ganha 5 novas paletas.
  • Ícone: recebe novas cores, arredondamento e já está disponível nas atualizações nas lojas de aplicativos.

+ Veja mais: dados da audiência do Instagram no primeiro trimestre de 2022.

Branding: mudança visual teve como objetivo reforçar o Instagram ser uma plataforma para criadores

O branding é baseado na mensagem de que todos que fazem parte da comunidade na forma de protagonistas: “yours to make” (você que faz”); “I want to build a the new normal” (eu quero construir o novo normal), em referência ao mundo pós pandêmico e à possibilidade das pessoas construírem uma nova realidade; “push the culture foward” (que têm o sentido de trazer e trocar ideias, ideias, planejamento, comunicação e a vontade de fazê-las acontecer, em tradução livre do inglês). Imagem: Reprodução/Instagram Official Blog.
O branding é baseado na mensagem de que todos que fazem parte da comunidade na forma de protagonistas: “yours to make” (você que faz”); “I want to build a the new normal” (eu quero construir o novo normal), em referência ao mundo pós pandêmico e à possibilidade das pessoas construírem uma nova realidade; “push the culture foward” (que têm o sentido de trazer e trocar ideias, ideias, planejamento, comunicação e a vontade de fazê-las acontecer, em tradução livre do inglês). Imagem: Reprodução/Instagram Official Blog.

Para manter e expandir o reconhecimento da marca, o Instagram simplifica e também expande sua unidade visual. Abaixo, listo três conceitos de branding aplicados ao design. Tudo isso para proporcionar retenção e aumento da audiência:

1. Branding Purpose (propósito da marca) é o Content First (“conteúdo vem primeiro”).

“Yours to make” ou “Você que faz” é o mote do Instagram para se aproximar da comunidade de criadores e a audiência da rede social. Imagem: Reprodução/Instagram Official Blog.
“Yours to make” ou “Você que faz” é o mote do Instagram para se aproximar da comunidade de criadores e a audiência da rede social. Imagem: Reprodução/Instagram Official Blog.

Nosso novo sistema de design coloca o conteúdo em destaque, com foco na simplicidade e na auto expressão. Os novos layouts de marketing do Instagram exibem imagens em tela cheia, fazem referência à experiência no aplicativo e celebram a criatividade que vemos na nossa comunidade todos os dias”, de acordo com o blog oficial da plataforma.

2. Brand Recognition. Não se afastar demais do que a audiência já conhece. O design precisava estar próximo ao que já está na mente das pessoas quando pensam na marca.

A escolha da fonte Instagram Sans veio para reforçar o Branding do Instagram e o seu maior desafio foi não se afastar da marca que já está mundialmente na mentalidade da audiência. Imagem: Reprodução/Instagram Official Blog.
A escolha da fonte Instagram Sans veio para reforçar o Branding do Instagram e o seu maior desafio foi não se afastar da marca que já está mundialmente na mentalidade da audiência. Imagem: Reprodução/Instagram Official Blog.

Cynthia Pratomo, diretora criativa do Instagram da Meta, conta que alinhar o objetivo da rede social à aparência foi desafiante. “O mundo está tão familiarizado com a marca Instagram que fazer qualquer tipo de mudança é um desafio. Queremos que nosso sistema seja fiel ao espírito do Instagram – não simplesmente mude por mudar. É por isso que a simplicidade do sistema de design se refere ao que mais amamos no uso do Instagram – é sempre o conteúdo e a comunidade em primeiro lugar.” contou ao site It’s Nice That.

3. Branding Everywhere (branding em todos os lugares). Expansão do reconhecimento de marca também nos textos, por meio de fonte proprietária.

Instagram Sans, desenvolvida em colaboração com a Colophon Foundry, está disponível em três estilos: Regular, Headline e Condensed. Pode ser aplicadas nos stories e recursos, como as enquetes. Imagem: Reprodução/Instagram Official Blog.
Instagram Sans, desenvolvida em colaboração com a Colophon Foundry, está disponível em três estilos: Regular, Headline e Condensed. Pode ser aplicadas nos stories e recursos, como as enquetes. Imagem: Reprodução/Instagram Official Blog.

“A parte mais importante do briefing do Instagram Sans foi desenvolver um DNA tipográfico que priorizasse a acessibilidade e os scripts globais desde o início”, disse Cynthia Pratomo, diretora criativa do Instagram da Meta, ao It’s Nice That. Criar um sistema que abrigaria vários scripts globais, incluindo coreano, árabe e canará, mantendo-se fiel ao estilo suave e em loop que a equipe tinha em mente, foi um projeto extenso por si só. Tanto uma auditoria aprofundada das necessidades da comunidade quanto a colaboração com mais de 40 tipógrafos e especialistas em linguagem entraram nos scripts finais.

“A partir daí”, explica Daniel Soedderstedt, do Instagram, “imaginamos um remix contemporâneo, mas atemporal, de estilos tipográficos – não é um geométrico tradicional nem grotesco” (contaram em entrevista ao site It’s Nice That).

+ Saiba mais: como funciona o algoritmo do Instagram.