Água da Ambev: ajuda para afetados das enchentes do Sul 2024. Ambev transforma produção em resposta à crise no Rio Grande do Sul.

Água da Ambev: ajuda para afetados das enchentes do Sul 2024

A Ambev, uma das maiores cervejarias do mundo, suspendeu temporariamente sua produção de cerveja na fábrica de Viamão, na grande Porto Alegre, para responder à crise humanitária causada pelas severas enchentes no Rio Grande do Sul. A empresa adaptou suas linhas de produção para envasar água potável, um recurso escasso nas áreas afetadas, demonstrando um compromisso ativo com a sociedade em momentos de necessidade.

Apoio aos afetados das enchentes do Sul 2024

Nos últimos dias, as fortes chuvas que assolaram mais da metade das cidades do estado comprometeram o abastecimento de água e alimentos, além de prejudicarem serviços essenciais. Em resposta, a Ambev iniciou a produção de água potável, distribuindo mais de 1 milhão de litros para ajudar a população e hospitais da região. Com o objetivo diário de produzir cerca de 850.000 latas de 473 ml, a iniciativa se mostra uma das mais significativas ações corporativas em situações de catástrofe no país.

A colaboração com a Ball, empresa produtora de latas de alumínio, foi crucial para a viabilização rápida dessa operação. Adaptações foram necessárias na planta de Viamão, incluindo o transporte de equipamentos de São Paulo, para garantir que a produção de água começasse o mais rápido possível.

Água da Ambev: ajuda para afetados das enchentes do Sul 2024. Ambev transforma produção em resposta à crise no Rio Grande do Sul.

Água é parte das ações de sustentabilidade da empresa

A água é a essência não só da cerveja, que compõe mais de 90% de seu volume, mas também do modelo de negócios da Ambev. Há mais de duas décadas, a empresa se dedica a reduzir o consumo de água em suas operações, refletindo um compromisso profundo com a sustentabilidade e a preservação ambiental. Nos últimos 18 anos, a Ambev conseguiu reduzir em 55% o consumo de água em suas plantas, estabelecendo um novo padrão de eficiência hídrica na indústria de bebidas mundial.

A média de água necessária para produzir um litro de cerveja caiu de 5,36 litros para apenas 2,4 litros, um feito notável que sublinha a liderança da empresa em práticas sustentáveis. Além disso, a Ambev tem como meta pública até 2025 melhorar a disponibilidade e qualidade da água para todas as comunidades em áreas de alto estresse hídrico com as quais interage.

Engajamento comunitário e conservação ambiental: dentro de sua Plataforma Água, a Ambev desenvolve várias iniciativas significativas, como o programa Bacias & Florestas. Esse programa visa a recuperação e preservação de importantes bacias hidrográficas através de diagnósticos detalhados e colaborações com parceiros locais. Desde seu início em 2010 na microbacia do Córrego Crispim, em Brasília, em parceria com o WWF Brasil, o programa expandiu para sete regiões no Brasil, enfocando na restauração florestal, conservação do solo, acesso à água e saneamento rural.

Outras iniciativas importantes: incluem ÁGUA AMA, SAVEH, Coalizão Cidades pela Água e o CEO Water Mandate, que demonstram o compromisso da Ambev com a gestão sustentável da água não só dentro de suas operações, mas em uma escala comunitária e global.

Em outras palavras

A decisão da Ambev de converter sua produção de cerveja para água potável em resposta às enchentes no Rio Grande do Sul exemplifica a responsabilidade social corporativa em ação. Mais do que uma medida emergencial, reflete uma filosofia empresarial que prioriza o bem-estar humano e ambiental acima dos lucros. Com iniciativas que se estendem por duas décadas, a empresa responde a crises imediatas e busca garantir a sustentabilidade dos recursos hídricos. Este caso reafirma o papel das grandes corporações na liderança de esforços de sustentabilidade e na promoção do bem-estar coletivo.

Para continuar a conversa

Sair da versão mobile